Notícias

FUNDOS EUROPEUS APOIAM EMPRESA NA EXPLORAÇÃO DOS OCEANOS

22 de dezembro de 2014

Ziphius é um robot que navega à superfície do mar e permite filmar e fotografar em alta definição em tempo real.

 

O Ziphius é um robôt que navega à superfície do mar e permite filmar e fotografar em alta definição em tempo real. Desenvolvido nos Açores através da Azorean Aquatic Tecnologies, com apoio dos fundos comunitários europeus e também com investimento privado, este gadget pretende revolucionar o mercado dos drones aquáticos. Chega às lojas em 2015.


A Azorean Aquatic Tecnologies vai lançar no primeiro semestre de 2015 um gadget para exploração dos oceanos controlado através de uma aplicação (app) para smartphones ou tablets. A tecnologia do Ziphius começou a ser desenvolvida em 2012 e tem como principal característica a capacidade de fotografar e de filmar em tempo real. À semelhança de um drone aéreo, este objeto lúdico consegue ver muito para além do olho humano – e pode até vir a ajudar na monitorização de espécies marinhas que andem mais à superfície dos oceanos.


Este é o primeiro projeto desta empresa criada em 2012 em Ponta Delgada, São Miguel. Foi desenvolvido por uma equipa de oito profissionais, especialistas em design, eletrónica e informática, cuja vocação se centra no desenvolvimento de ferramentas inteligentes para a exploração dos oceanos.


Cofinanciado pelo FEDER – Fundo Europeu do Desenvolvimento Regional, através do PROCONVERGÊNCIA – Programa Operacional dos Açores, o Ziphius foi lançado na sequência da candidatura ao SIDER- Sistema de Incentivos para o Desenvolvimento Regional dos Açores, para a área da Qualidade e Inovação: recolheu um apoio que ultrapassa os 150 mil euros. Está agora prestes a chegar ao mercado.


Os fundos comunitários permitiram o arranque do Ziphius, nomeadamente nesta fase de passagem de protótipo para o processo de industrialização do produto” diz Edmundo Nobre, CEO da Azorean Aquatic Tecnologies, empresa detida pela YDreams e que tem como objetivo ser líder mundial no mercado dos gadgets robóticos autónomos de exploração, em especial no meio aquático.


Além dos fundos europeus, o projeto contou ainda com investimento privado. No concurso norte-americano ‘Engadget Insert Coin: Challengers’, em março de 2013, venceu o prémio do júri e do público e arrecadou assim mais 20 mil dólares (cerca de 16,1 mil euros) para investimento. Este concurso permitiu ainda ao Ziphius a participação na campanha da Kickstarter, plataforma online de crowdfunding, através da qual foram angariados mais de 120 mil dólares (96,7 mil euros).


O drone deverá chegar às lojas de tecnologia já no final do primeiro semestre de 2015. O preço previsto rondará os 350 euros.

contatos